_________________________

"Sem dúvida, a Sociologia não valeria uma hora de trabalho... se não fosse para se atribuir a tarefa de restaurar às pessoas o significado de sua própria ação". [Pierre Bourdieu]
_________________________

11 de abril de 2011

Sociologia da Educação II: Estudo Dirigido

Prezad@s,

Segue, como prometido, o estudo dirigido sobre o tópico 2 do nosso curso ("Educação brasileira: breve história de um 'quase' sistema"), a partir dos dois primeiros capítulos do livro "Os empresários da educação", de minha autoria.

As questões:

a) Quais foram, segundo TalcottParsons, as três revoluções correspondentes aos processos estruturais que contribuíram para a consolidação das sociedades ocidentais, a partir do século XIX? Descreva suas características principais.

b) Quais são as características do ensino jesuítico que predominou no Brasil Colonial? Qual foi, nesse sentido, o efeito da ausência da concorrência protestante na formação inicial do nosso sistema de ensino?

c) Quais os impactos da vinda da Família Real Portuguesa no panorama cultural do Brasil Colonial?

d) O advento da República deu cabo do dualismo educacional esboçado no regime anterior?

e) Qual foi o principal efeito da “Revolução de 1930” no campo educacional? Como a Igreja Católica se posicionou frente às realizações do primeiro governo de Getúlio Vargas.

f) Que fato novo surgiu ao final do Estado Novo que impactou a correlação de forças no campo do ensino privado? Qual foi o seu principal significado?

Para ajudar, segue link para o artigo "As origens da educação no Brasil: da hegemonia católica às primeiras tentativas de organização do ensino", publicado na revista Ensaio, da Fundação Cesgranrio.

At. Marcos Marques
Prof. de Sociologia da Educação II

Nenhum comentário: